HomeNotíciasPolíticaMário Couto dispara contra a família Barbalho
Política

Mário Couto dispara contra a família Barbalho

'Eu vim da pobreza. Eu não enriquei com dinheiro público', disse o senador

06/03/2013 - 09:43 - Política
O senador Mário Couto (PSDB-PA) voltou a questionar ontem, da tribuna, a credibilidade do jornal Diário do Pará, que o acusou de estelionato na edição do último domingo. Couto criticou a direção do que chamou de 'jornaleco', que, segundo ele, tem atacado um homem 'sem crime e de consciência limpa'. 'Vocês têm muito que procurar sobre a minha vida. Eu vim da pobreza. Eu não enriquei com dinheiro público. A pobreza me acompanha até hoje. Eu tenho uma vida limitada. Eu não tenho avião, eu não tenho televisão, eu não tenho jornal, mas não tenho medo de encarar aqueles que os têm, principalmente vocês que fizeram o seu patrimônio à custa do dinheiro do povo do Pará', disse o senador, que também anunciou que, na próxima quinta-feira, às 13h45, senadores da oposição se reunirão com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, para pedir celeridade do Judiciário em relação às denúncias contra políticos 'comprovadamente corruptos'.

'Quero agradecer aos Senadores que compõem a comissão para ir até Joaquim Barbosa. Lá, nós vamos mostrar os processos, principalmente dos Senadores, ou Senador do Estado do Pará que há muitos anos usou do dinheiro público para enriquecer; usou do dinheiro público para fazer um patrimônio acima de R$ 100 milhões', afirmou, indicando em seguida de quem estava se referindo. 'O seu filho é o dono do jornal (Diário do Pará). Ele está muito preocupado. Jader Filho, você está muito preocupado. Preocupado por quê? Preocupado porque o patrimônio que você dirige não é seu. Preocupado porque o patrimônio que você dirige é do povo do Estado do Pará.'

Mário Couto esclareceu que foi multado durante campanha eleitoral, mas obteve a conversão da multa em doação de medicamentos e cestas básicas à Santa Casa do Pará. Ele apresentou documentos que comprovam as doações. Segundo o senador, o dono do Diário do Pará, Jader Barbalho Filho, deve ter vergonha de sair de casa, pois 'honra não se compra em mercearia'. Ao fazer essas críticas, Couto mostrou uma foto de quando era criança ao lado dos seus irmãos, no município de Salvaterra, na região do Marajó. Em seguida, ele mostrou uma foto do senador Jader Barbalho (PMDB-PA) algemado devido as acusações de envolvimento nas fraudes do Fundo de Investimentos da Amazônia (Finam).

Por Thiago Vilarins, da Sucursal Brasília
Foto: Gerdan Wesley

Mais Acessadas
Canais
Siga nas Redes: